LEI PARA MOTORISTAS DE APLICATIVOS

notícias Opinião tecnologia

 
 

A Uber não é uma vítima inocente

 
 
O Governo Lula apresenta nesta segunda-feira, 04/03/2024, proposta para regulamentar transporte por aplicativo

A Uber não é uma vítima inocente. A Uber esperneou no começo e por fim declarou apoio à regulamentação. Os representantes da Uber no Brasil, Silvia Penna (CEO) e Ricardo Leite Ribeiro (diretor de Políticas Públicas e Relações Governamentais da Uber) estão de mão dadas com Lula e sindicalistas para que a Uber faça parte da nova seleção dos Campeões Nacionais do PT.

A Uber enfiou parte do custo da regulamentação no rabo dos motoristas, que inevitavelmente ganharão menos por corrida, não só porque o governo federal e um sindicato, ainda a ser criado, irão arrancar um naco do faturamento mensal desses trabalhadores, mas também porque a Uber pagará menos por quilometro rodado.

O que a Uber ganha com a regulamentação é a garantia da continuidade do dupólio Uber/99. Por já estarem estabelecidas no mercado têm o que nenhuma nova concorrente que ousasse desafiá-las teria: capilaridade e escala. A Uber tenta assim matar a concorrência na sua forma embrionária. O que o PT deseja é um mercado fascista, não só porque é a única forma economicamente viável de socialismo, como foi provado empiricamente no caso da China, mas porque isso é uma forma de poder. Poder que tornaria Lula ainda mais parecido com Putin e Xi Jinping.

 
 


Em dezembro de 2023, a plataforma de vídeos Rumble anunciou que iria desativar seu funcionamento no Brasil. A decisão foi tomada por discordâncias com as exigências da Juristocracia brasileira.
Fure o bloqueio da ditadura brasileira e assista ao vídeo por meio de VPN GRÁTIS
Como usar o Proton VPN Grátis: Em celular, em PC.


Deixe um comentário